Blog Crescer

 

 
 
 
Índice
 
 
 
 
 
 
 
Dra. Nathália oferece orientações sobre Constipação Intestinal em crianças
 
 
 

Saiba mais sobre constipação intestinal!

 
12 de agosto de 2020
 

 
Muitas crianças sofrem com as fezes mais ressecadas, o que chamamos de constipação intestinal. A grande maioria dos casos ocorre devido a alterações alimentares associadas a maior sedentarismo ou diminuição dos movimentos do intestino, sem gravidade.

Porém, em poucos casos, ela é consequência de alguma doença, que precisa ser investigada através de exames de sangue e de fezes, como hipotireoidismo, doença celíaca ou verminoses. Como tratamento, casa não haja nenhuma outra doença por trás, precisamos primeiramente ajustar a alimentação. Uma dieta rica em fibras e com aumento de ingesta de água é essencial.

O segundo pilar de tratamento é o que chamamos de treinamento de toilete, onde devemos ajustar e treinar os horários para levar a criança ao banheiro. Além disso, não podemos esquecer de que as crianças muitas vezes têm medo do vaso sanitário, ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Telemedicina
 
 
 

O Uso da Telemedicina Durante a Pandemia da COVID-19

 
22 de maio de 2020
 

 
Para garantir o acesso à saúde com a segurança que os nossos pequenos precisam, a equipe multidisciplinar da Clínica Pediátrica Crescer está realizando consultas e atendimentos a distância. Entre em contato para agendar consultas nas especialidades: pediatria, reumatologia, nutrição, psicologia, neuropediatria, endocrinologia, gastropediatria e alergista.

O uso da telemedicina é em caráter excepcional, para evitar o trânsito de pessoas e oferecer assistência a pacientes em situação de isolamento social. Os médicos precisam tomar todo o cuidado a respeito da integridade e do sigilo das informações dos pacientes. Durante o atendimento, os médicos poderão emitir atestados ou receitas médicas em meio eletrônico. A emissão desses documentos só será válida em meio eletrônico mediante uso de assinatura eletrônica por meio de certificados e chaves digitais (ICP-Brasil ou CRM Digital).

A Telemedicina não impedirá o médico de observar o cumprimento das ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Orientações sobre a COVID-19 para crianças
 
 
 

COVID-19 - Orientações Importantes

 
22 de maio de 2020
 

 
1) Quais são os riscos das crianças contrairem COVID-19? As crianças são tão propensas a se infectarem quanto os adultos, mas apresentam menos sintomas ou risco de desenvolver doença grave.

2) Qual o período de incubação do vírus? O período de incubação é em média de 5 dias, sendo raramente constatados períodos de até 2 semanas.

3) Quais os sintomas da infecção na criança? Os sintomas são os comuns de uma síndrome gripal, como febre, tosse, congestão nasal, coriza, dor de garganta, mas também podem ocorrer aumento dafrequência respiratória, sibilos (chiado) e pneumonia. Sintomas como vômitos e diarreia podem ocorrer, sendo mais comuns em crianças do que adultos.

4) Uso de máscaras para a criança: Se a criança estiver saudável, não há necessidade de usar máscara facial em casa. Somente ao sair de casa, em casos de extrema necessidade, mesmo que não apresente sintoma algum. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Pais hiperpassivos
 
 
 

Existem mais pais hiperpassivos do que crianças hiperativas

 
6 de junho de 2019
 

 
Hiperatividade é um termo que se tornou muito comum e os maiores responsáveis por isso são os pais, que buscam nesta condição uma forma de justificar o fato do filho ser inquieto, falar demais, não prestar atenção na aula, etc. Pensando nisso, a frase “Existem mais pais hiperpassivos do que crianças hiperativas” se torna pertinente, concordam? Vamos avaliar os fatos!

Ao longo dos anos a rotina se tornou bastante corrida e cheia. No dia-a-dia os pais estão muito ocupados, estressados ou sem tempo e por isso, acabam passando pouco tempo com os filhos, e quando passam, é de forma passiva. Esse hábito afeta as crianças, pois o cansaço tira da família a vontade de conversar, interagir, brincar ou ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Como lidar com mau comportamento
 
 
 

Por que as crianças se comportam mal?

 
6 de junho de 2019
 

 
Educar uma criança não é uma tarefa fácil e o mau comportamento dos filhos é um problema que mexe bastante com os pais, pois eles não compreendem os motivos por traz dessas ações. Alguns motivos que podem levar à esse comportamento:
  • Pela imaturidade do cérebro: O cérebro da criança está em formação e ainda não tem a capacidade de ajudar a regular as coisas que incomodam, como choros e gritos;
  • Porque estão cansadas e com sono: Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Entenda o que é a moleira e como detectar possíveis problemas
 
 
 

Saiba mais sobre a moleira dos bebês

 
30 de maio de 2017
 

 
1. O que é moleira? Moleira é uma abertura da calota craniana existente na cabecinha do bebê separadas por linhas também abertas, chamadas suturas.

2. Pra que serve a moleira? Os bebês apresentam 2 moleiras ou fontanelas, uma na parte anterior da cabeça e outra na parte posterior da cabeça que muitos pais nem sabem que existe. As moleiras tem 2 funções muito importantes: a primeira é permitir e facilitar a passagem da cabeça pelo canal vaginal e a segunda função das fontanelas é permitir o ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Amamentação - Foto de Luiza Corrêa
 
 
 

O Desafio da Amamentação

 
30 de maio de 2017
 

 
O vínculo estabelecido com a mãe durante a amamentação; o estímulo do desenvolvimento da musculatura da face; o ganho nutricional, enfim, todos os inúmeros benefícios que a amamentação propicia, já são de conhecimento de todos! Porém, a amamentação pode ser um grande desafio. O desejo de amamentar e a frustração de não realizar esse sonho podem trazer sentimentos de tristeza e impotência para a mãe. Alguns obstáculos que podem ser encontrados são:
  • Pega incorreta;
  • Baixa produção de leite;
  • Bico de mama invertido;
  • Dificuldade de sucção.

A boa notícia é que todos esses obstáculos podem ser vencidos! O pediatra e algumas vezes em conjunto com o fonoaudiólogo podem identificar a causa e solucionar as dificuldades na amamentação. O ideal é que esta intervenção seja o mais precoce possível para não prejudicar o ganho de peso do bebê. A orientação e intervenção desses profissionais na amamentação é de sublime importância para o sucesso deste ato de amor que nutri.
 
 
 
 
 
 
 
febre amarela
 
 
 

Febre Amarela

 
8 de março de 2017
 

 
A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda, causada por um arbovírus (vírus transmitido por artrópodes), que pode levar à morte em cerca de uma semana, se não for tratada rapidamente.

Na febre amarela silvestre, os mosquitos dos gêneros Haemagogus e Sabethes transmitem o vírus e os macacos são os principais hospedeiros; nessa situação, os casos humanos ocorrem quando uma pessoa não vacinada adentra uma área silvestre e é picada por mosquito contaminado. Na febre amarela urbana o vírus é transmitido pelos mosquitos Aedes Aegyptii ao homem, mas esta não é registrada no Brasil desde 1942.

Quais os sintomas da Febre Amarela? Os sintomas iniciais incluem febre de início súbito, calafrios, dor de cabeça, dores nas costas, dores no corpo em geral, náuseas e vômitos, fadiga e fraqueza. Em casos graves, a pessoa pode desenvolver  Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Como regular o sono dos seus filhos
 
 
 

Dicas para seu filho dormir a noite inteira, e os pais também

 
7 de março de 2017
 

 
Nos primeiros meses de vida, o bebê precisa ser amamentado ou caso isso não seja possível, tomar leite na mamadeira, a cada 2 a 3 horas durante a madrugada. A partir dos 3 a 6 meses, os bebês já podem pular pelo menos uma mamada da madrugada passando a dormir direto durante 6 a 7 horas. Nesta fase os pais e, principalmente as mães, começam a descansar um pouco mais, retornam as atividades do trabalho e/ou da casa e sociais com mais vontade e disposição. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Verifique se seu filho está no peso ideal
 
 
 

Confira se o seu filho está com peso ideal

 
7 de março de 2017
 

 

IMS Pediátrico

O Índice de Massa Corporal (IMC) é um dos indicadores usados pela Organização Mundial de Saúde para verificação do estado nutricional, calculado a partir da seguinte fórmula: peso atual (kg)/estatura (m) 2. A classificação para crianças e adolescentes entre 2 e 19 anos obedece a critérios específicos de acordo com o sexo e a idade.

Clique aqui para calcular o IMC do seu filho.

Além do IMC, também podemos ver a classificação do peso da criança de acordo com o resultado obtido: baixo peso (abaixo de 18.5) Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Guia de alimentação
 
 
 

Alimentação – Como não cair na monotonia?

 
7 de março de 2017
 

 
A alimentação balanceada e saudável na pediatria é imprescindível para um adequado crescimento e desenvolvimento infantil e pode ser dividida em 4 fases:

Recém-nascido até dois anos

O Ministério da Saúde juntamente com a Sociedade Brasileira de Pediatria criaram os dez passos para alimentação saudável: Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Cuidados com a pele das crianças em praias, piscinas e afins
 
 
 

Verão – Cuidados especiais com as crianças durante a exposição solar

 
7 de março de 2017
 

 
A incidência de câncer de pele vem aumentando ano a ano e sua principal causa é a exposição solar. O efeito da radiação é acumulativo; isso quer dizer que o sol que recebemos desde a infância até a idade adulta só irá mostrar seus efeitos em longo prazo, com o envelhecimento precoce e a possibilidade de surgir um câncer.

O principal fator de risco de câncer de pele é a radiação ultravioleta (UV) e a exposição precoce e intensa durante a infância. Estão mais sujeitos aos efeitos danosos do sol as crianças de pele muito clara, de cabelos loiros, ruivos ou castanhos claros; de olhos claros; com história familiar de câncer de pele, ou ainda com sardas. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Os cinco sentidos do bebê

 
7 de março de 2017
 

 

Visão

O recém-nascido enxerga o que se localiza até 20 centímetros de distância, como o rosto da mãe ao amamentá-lo. Além desse ponto, a imagem é borrada. Entre a 4ª e a 6ª semana de vida, passa a fixar objetos. A partir dos dos 2 meses, as imagens que eram acinzentadas ganham matizes de vermelho, branco e azul. A visão evolui rápido de modo que ao completar 4 meses a criança já distingue as demais cores e segue os objetos com os olhinhos. O pequeno começa a focar as mãos e a brincar com elas.

O passo seguinte é apanhar os objetos que vê. Então, passa a reconhecer as pessoas e estranhar ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Descubra a posição correta para colocar o seu bebê para dormir
 
 
 

Qual é a posição correta de se colocar o bebê para dormir?

 
6 de março de 2017
 

 

Já ouviu falar da Síndrome da Morte Súbita?

É definida clinicamente como a morte repentina e inesperada de um lactente aparentemente sadio, onde acredita-se que haja uma alteração na respiração do bebê, levando-o a morrer durante o sono. Não está claro se a morte ocorre durante o sono ou nos períodos de transição entre sono e vigília, que se sucedem durante a noite. O que sabemos é que o pico de incidência está entre dois e quatro meses de idade, é mais comum em meninos e muito rara após os 6 meses de vida. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Recomendações de segurança para o berço do seu bebê
 
 
 

Berço seguro

 
6 de março de 2017
 

 
O berço é o local onde o recém-nascido e o bebê, nos primeiros meses de vida, passam a maior parte do seu tempo. Por isso, deve ser seguro e estável. No Brasil, a certificação de berços deve obedecer as normas técnicas da ABNT (NBR 15860) e do Inmetro (NBR 15860-1 e 15860-2). As principais recomendações de segurança são:
  • Colocar o bebê para dormir de barriga para cima;
  • Assegurar-se que a cabeça do bebê esteja descoberta o tempo todo;
  • Não deixar nenhum objeto solto no berço (travesseiro, almofada, protetores, brinquedos de pelúcia, etc.). Eles podem causar risco de sufocação, asfixia e estrangulamento;
  •  Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Dicas para viajar de avião com bebês
 
 
 

10 cuidados importantes ao viajar de avião com o recém-nascido

 
6 de março de 2017
 

 
À medida que viagens aéreas com crianças se tornaram mais populares, orientações quanto a precauções tem sido solicitadas pelos pais com mais frequência. Recém-nascidos saudáveis podem viajar com segurança em avião com cabine pressurizada e, com algumas exceções, não toleram bem a viagem aérea.
  1. Os pais devem aproveitar o direito a atendimento preferencial, por viajarem com criança menor de 12 anos, embarcando e desembarcando antes dos demais passageiros;
  2. O ideal é solicitar assentos na primeira fileira, reservados para passageiros especiais, como bebês;
  3. Recomenda-se que o recém-nascido ocupe um ...
  4.  Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Informações sobre e hernia umbilical em bebês
 
 
 

Saiba mais sobre a hérnia umbilical

 
6 de março de 2017
 

 
Hérnia umbilical é uma protuberância anormal que pode ser vista ou sentida na região do umbigo. Esse tipo de hérnia se desenvolve quando uma porção do revestimento do abdômen, de parte do intestino se acumula através do músculo da parede abdominal.

Comum em bebês, a hérnia surge exatamente no local da cicatriz umbilical, geralmente, quando uma alça intestinal atravessa o tecido muscular. Baixo peso ao nascer e prematuros também são mais propensos a ter uma hérnia umbilical. As hérnias umbilicais são comuns, ocorrendo em 10 a 20% de todas as crianças. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Perda de dentes de leite
 
 
 

O dentinho está mole… E agora?

 
6 de março de 2017
 

 
Toda criança passa pela "fase da janelinha". Algumas encaram com bom humor, outras sofrem e sentem vergonha até de falar, mas é um fato normal do desenvolvimento humano. Segundo Marcelo Bönecker, professor de Odontopediatria da USP (Universidade de São Paulo), a troca dos dentes tem acontecido mais cedo. Os primeiros dentes caem por volta dos 5 ou 6 anos de idade e as meninas costumam passar por esse processo um pouco antes, em comparação aos meninos.

Em algum dia, seu filho pode começar a sentir o dente mais mole e com o tempo a sua raiz vai soltando, até que um dia ele simplesmente cai ou fica solto a ponto dos pais ou mesmo a ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Dietas para gestantes
 
 
 

Mitos e verdades sobre a alimentação da gestante

 
6 de março de 2017
 

 
Toda gestante deve buscar um estilo de vida saudável para otimizar a sua saúde e a do bebê. Um ganho adequado de peso, uma atividade física apropriada e o consumo de uma alimentação variada, equilibrada e segura sanitariamente são pontos importantes para otimizar a saúde durante a gestação. Através de uma alimentação adequada, a gestante pode controlar seu ganho de peso para que não seja nem deficiente e nem excessivo. Além disso, a fonte de nutrientes que o bebê tem para garantir seu crescimento vem das reservas nutricionais da mãe e do que ela come na gravidez.

Gordura, sal e açúcar devem ser utilizados com muita moderação pela gestante; para isso, é importante estar ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Informações sobre a dengue
 
 
 

Saiba mais sobre a Dengue

 
6 de março de 2017
 

 
A dengue é uma doença febril aguda causada por um vírus, sendo um dos principais problemas de saúde pública no mundo. O seu principal vetor de transmissão é o mosquito Aedes aegypti, que se desenvolve em áreas tropicais e subtropicais. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que entre 50 a 100 milhões de pessoas se infectem anualmente com a dengue em mais de 100 países de todos os continentes, exceto a Europa. Cerca de 550 mil doentes necessitam de hospitalização e 20 mil morrem em consequência da dengue.

Embora pareça pouco agressiva, a doença pode evoluir para a dengue hemorrágica, ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Saiba se seu filho é alérgico a leite de vaca
 
 
 

Como saber se é alérgico ao leite de vaca

 
6 de março de 2017
 

 
A alergia ao leite de vaca (APLV) é uma reação alérgica às proteínas presentes no leite de vaca ou em seus derivados. Não é um doença rara, e atinge cerca 5 a 10% da população de bebês com menos de 3 anos de idade. Isso ocorre, porque quando os bebês nascem, seu intestino ainda está imaturo (amadurece por volta dos 6 meses) e a ingestão dessas proteínas pode iniciar um processo de inflamação no aparelho digestivo provocando vários sintomas.

A boa notícia é que ao fim do primeiro ano, 50% das ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Indicações de repelentes para a pele infantil
 
 
 

Alerta para o uso de repelentes

 
6 de março de 2017
 

 
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomenda a utilização de repelentes em crianças de acordo com a fórmula do produto, que podem ser sintéticos ou naturais. Os princípios ativos dos repelentes recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) são:
  • Icaridina (KB3023): uso permitido no Brasil em crianças a partir de 2 anos de idade em concentração de 25% cujo período de proteção chega a 8 a 10 horas (nome comercial Exposis infantil).
  • DEET: em concentração de até 10% pode ser utilizado em maiores de 2 anos, sendo que não deve ser aplicado mais que 3 vezes ao dia em crianças de 2 a 12 anos (nome comercial Off kids)
  • IR 3535 30%: permitido pela Anvisa para crianças acima de 6 meses. Seu período de proteção conferido é de 4h (nome comercial Loção anti-mosquito Johnson).

Existem ainda os repelentes naturais, no entanto, como são altamente voláteis e seu ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Dermatite atópica
 
 
 

Tire suas dúvidas sobre dermatite atópica

 
6 de março de 2017
 

 

Dermatite atópica

A Dermatite atópica é a forma de alergia mais frequente nos primeiros 10 anos de vida. É uma doença inflamatória crônica da pele que se caracteriza por intenso prurido (coceira), vermelhidão, liquenificação (pele mais grossa) e as vezes inchaço principalmente nas dobras dos cotovelos, atrás dos joelhos, nuca e em alguns casos pode atingir o corpo inteiro. A maioria dos casos começa antes dos 5 anos de vida e aproximadamente 30% dos crianças com dermatite evoluem para asma e 35% para rinite alérgica. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Como apaziguar o ambiente doméstico na chegada de um novo irmão
 
 
 

Ciúmes do irmão – como agir nessa situação?

 
6 de março de 2017
 

 
Quando se está esperando um bebê na família é motivo de muita alegria para todos, mas, para muitos se torna também motivo de muita preocupação, principalmente quando já se têm um pequeno em casa. Nem sempre o primogênito aceita esse presente com muita alegria, alguns podem se sentir inseguros, com medo e com isso lhe trazer um sentimento pela qual muitas vezes nem conhecia – o ciúmes.

A demonstração de ciúmes pode variar de criança para criança. É comum ele ter reações agressivas em relação ao ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Alimentos fortificados
 
 
 

Alimentos fortificados – como eles podem fazer a diferença?

 
6 de março de 2017
 

 
Uma das grandes preocupações dos pais que frequentam o consultório pediátrico é a recusa alimentar dos filhos, principalmente aqueles na fase pré-escolar (2-6 anos). Tal apreensão é legítima, uma vez que a alimentação inadequada pode acarretar uma série de deficiências nutricionais e prejudicar o crescimento e o desenvolvimento da criança. Neste contexto, alimentos fortificados podem colaborar para atingir as recomendações diárias de micronutrientes.

Você sabe o que são alimentos fortificados?

 Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Tudo sobre Vitamina D
 
 
 

O verão terminou. Como fica a vitamina D?

 
6 de março de 2017
 

 
A importância da vitamina D para a saúde humana é reconhecida de longa data. Esta substância está diretamente envolvida na absorção intestinal, metabolismo do cálcio e fósforo e no fortalecimento ósseo. Além de promover a saúde óssea, a vitamina D está relacionada também a vários outros benéficos como participação em funções musculares, imunológicas e neurológicas, dentre outras ainda em estudo.

A deficiência gera inicialmente sintomas inespecíficos como irritabilidade, sono intranquilo e sudorese excessiva na cabeça (segmento cefálico). Com a evolução, pode ocorrer fraqueza muscular, distensão do abdômen, diminuição de resistência a infecções e alterações da mineralização óssea em várias partes do corpo. Em crianças, a deficiência severa é denominada de raquitismo.  Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Dicas para viagem com crianças
 
 
 

Viagem com crianças

 
6 de março de 2017
 

 
Levar as crianças para viajar, embora seja um desafio para os pais, é sempre muito divertido, tornando-se lembranças saudáveis e maravilhosas da infância. Para que estas lembranças não se tornem pesadelos são necessários alguns cuidados especiais que vão desde a escolha do destino até atenção especial com a saúde. É importante lembrar que a criança possui necessidades especiais, próprias para sua idade, que devem ser respeitadas. Como por exemplo, elas são mais vulneráveis à desidratação e ao enjoo de movimento (cinetose).

Antes de viajar: definir o destino com antecedência e se possível com a participação dos filhos que é uma ótima ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Acessórios que facilitam o período de amamentação
 
 
 

Acessórios que auxiliam no aleitamento materno

 
6 de março de 2017
 

 
A imensa maioria das mulheres pode amamentar seu filho sem a necessidade de dispositivos especiais. Existem muitos produtos no mercado, mas devemos evitar o uso abusivo e desnecessário. Tirem suas dúvidas nesse texto sobre os acessórios e em quais circunstâncias eles são realmente indicados.

Conchas: as conchas são dispositivos plásticos em forma de disco, com um orifício redondo no centro, que são colocados sobre os mamilos abaixo do sutiã, ajudando o mamilo a projetar-se ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Saiba como estocar o leite materno
 
 
 

Amamentação – Como colher e estocar o leite materno

 
6 de março de 2017
 

 
Você pode retirar o leite dos seios de forma manual ou com a ajuda de uma bomba para tirar leite. A ordenha manual pode ser feita sem o auxílio de instrumentos especiais e pode ser realizada sempre que necessário para estocar ou para alívio, principalmente quando as mamas estiverem túrgidas e dolorosas, mesmo após a mamada. A ordenha feita com a bomba tem alguns complicadores como a disponibilidade do equipamento sempre que necessário, o custo, e ainda o risco de lesão dos mamilos. Com o avanço da tecnologia, os equipamentos para extração de leite passaram a ser produzidos com materiais ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Tabela para consumo adequado de alimentos com sódio
 
 
 

Orientações sobre a ingestão adequada de sódio para crianças

 
6 de março de 2017
 

 
Dados recentes sobre a ingestão de sódio na população mundial demonstram que as pessoas consomem muito mais sódio do que a necessidade fisiológica do nosso organismo. Em muitos casos, as pessoas consomem mais do que 2g/sódio/dia = 5g/sal/dia que é o recomendado pela OMS. A Organização Mundial da ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Como prevenir a cárie de mamadeira
 
 
 

Cárie de mamadeira

 
6 de março de 2017
 

 
A cárie de mamadeira é um tipo de cárie que acomete os dentes de leite de crianças acostumadas a se alimentar com mamadeiras, principalmente no período noturno. Quando a criança adormece ocorre diminuição do fluxo salivar, reduzindo a proteção natural que a saliva exerce sobre os dentes. O leite ou suco fica aderido à estrutura dentária, provocando a formação de ácidos que destroem o esmalte que protege os dentes da criança. A cárie se inicia com o aparecimento de manchas brancas quase imperceptíveis, porém tem evolução muito rápida levando a destruição dos dentes em um curto período de tempo.

A minha experiência em consultório ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Peixes costumam ser alimentos ricos em DHA e ARA
 
 
 

O que é o DHA e o ARA e para que servem?

 
6 de março de 2017
 

 
DHA é um ácido do tipo Ômega-3, encontrado principalmente em peixes de água fria como salmão e sardinha e somado ao ARA (ácido araquidônico), um ácido da família Ômega-6, contribui bastante para o desenvolvimento da visão e do sistema nervoso central dos bebês. Esses dois componentes são encontrados nos peixes, gema de ovo, linhaça e principalmente o leite materno. O ideal é consumir em torno de 400g de peixe por semana durante a gestação. O hábito deve-se manter durante a amamentação, pois o leite materno vai apresentar mais DHA se a mãe mantiver a alimentação rica neste componente. Para a criança, o DHA e o ARA são essências durante a toda a vida por terem um papel importante na formação da visão e do cérebro.

A revista científica americana American Journal of Clinical Nutrition publicou ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Tire suas dúvidas sobre cólicas em bebês
 
 
 

12 perguntas e respostas sobre a tão temida cólica dos bebês

 
6 de março de 2017
 

 
Todo mundo tem um remédio ou dica milagrosa para curar a cólica do bebê. Com certeza você vai ouvir mil e um conselhos como cortar frutas ácidas, leite e chocolate da dieta materna, oferecer chá de camomila ao bebê, chupeta passada na funchicórea, bolsas térmicas e massagens. Mas a dica mais importante e infalível é a paciência, o comportamento do bebê é influenciado pelo ambiente familiar, portanto, um ambiente calmo contribui muito para o bebê ficar mais tranquilo. Caso o pediatra identifique que as crises de choro são cólicas típicas do recém-nascido, o melhor é esperar o tempo passar. Por ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Informações sobre a bronquiolite
 
 
 

Bronquiolite

 
7 de maio de 2020
 

 
Nas estações mais frias do ano, outono e inverno, é importante lembrarmos de uma doença respiratória muito comum chamada bronquiolite. A bronquiolite é uma doença muito frequente na infância e que causa uma grande procura nos consultórios e serviços de emergência, sendo a principal causa de internação por insuficiência respiratória aguda consequente a uma infecção de vias aéreas inferiores em crianças menores de 2 anos. A doença é sazonal, isto é, há uma maior incidência da doença nas estações do outono e inverno, principalmente entre os meses de abril e julho.

A bronquiolite se caracteriza por uma obstrução difusa dos bronquíolos causada pelo efeito direto do vírus nas pequenas vias aéreas e também do efeito indireto da resposta imune do organismo com um espessamento das paredes bronquiolares, restos celulares e excessiva produção de muco. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Como gestantes podem se prevenir da coqueluchecoqueluche
 
 
 

Coqueluche e as gestantes – Como prevenir a doença

 
6 de março de 2017
 

 
Devido ao aumento do número de casos notificados da coqueluche no Brasil nos últimos anos, o Ministério da Saúde (MS) decidiu acrescentar uma nova vacina para gestantes que será administrada a partir do segundo semestre de 2013 em todo o país. A coqueluche é uma doença causada por uma bactéria denominada Bordetella pertussis, que atinge o sistema respiratório cujas complicações, como convulsões e pneumonias, podem levar a morte. A doença é mais grave nas crianças menores de 3 meses quando há maior risco de internação e complicações como insuficiência respiratória aguda.

O período de incubação varia entre cinco a vinte e um dias e os primeiros sintomas são semelhantes aos da gripe: tosse, coriza, febre e olhos irritados. Caso a tosse ultrapasse 14 ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
recemnascidos
 
 
 

10 curiosidades sobre os recém-nascidos

 
6 de março de 2017
 

 
1) Os bebês podem nascer com a cabeça alongada ou com hematomas por causa do parto? O tipo do parto influencia nisso? Ao nascerem, os ossos cranianos do bebê são moles para permitir que a cabeça passe pelo canal vaginal. Quando o crânio é comprimido, esses ossos se amoldam e a cabeça pode assumir uma forma mais alongada e pontuda. Além desse alongamento os bebês podem apresentar algum hematoma na cabeça pela dificuldade na saída pelo canal do parto e principalmente quando se usa um instrumento de auxílio na retirada chamado fórceps. Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Como tirar a chupeta do seu filho
 
 
 

Dicas para retirada da chupeta

 
6 de março de 2017
 

 
A maioria dos pediatras é contra a chupeta, mas muitas crianças acabam desenvolvendo esse hábito, especialmente durante a fase oral, ou seja, até os 2 ou 3 anos, quando elas levam tudo à boca. Passada essa fase, é hora de começar a tirar a chupeta antes que seu uso cause problemas que vão muito além da posição dos dentes. O uso da chupeta pode favorecer alterações na respiração (pode predominar a respiração pela boca), na postura corporal, na fala e na mastigação. Dicas para o seu filho largar a chupeta
  • Tente usar apenas na hora de dormir ou quando a criança estiver doente;
  • Na hora do passeio, explique à criança que a chupeta precisa ficar (descansar) em casa;
  • Estimule a criança para que seja ela própria a doar ou jogar fora a chupeta;
  •  Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Como são feitos os exames de audição em recém nascidos
 
 
 

Saiba mais sobre o teste da orelhinha

 
6 de março de 2017
 

 

Os bebês já escutam ao nascer?

A audição é um dos sentidos mais importantes para o desenvolvimento completo da criança. O bebê já escuta desde bem pequeno, antes mesmo de nascer, por volta do quinto mês de gestação ele ouve a voz e os sons do corpo da mãe. É através da audição e da experiência que as crianças têm com os sons ainda na barriga da mãe que se inicia o desenvolvimento da linguagem. Qualquer perda na capacidade auditiva, mesmo que pequena, impede a criança de receber adequadamente as informações sonoras que são essenciais para a fala.

Como e quando é feito o teste da orelhinha?

Ao contrário do nome parecido com o teste do pezinho, no teste da orelhinha não é preciso fazer um furinho na orelha do bebê. O teste da orelhinha ou exame de emissões otoacústicas evocadas é o método mais moderno para constatar problemas auditivos nos recém-nascidos. É um programa mundial de avaliação ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Obesidade infantil
 
 
 

Fatos sobre obesidade infantil

 
6 de março de 2017
 

 
A obesidade cresceu vertiginosamente nos últimos 30 anos. Pesquisas americanas mostram que atualmente, 31% dos adultos e 18% das crianças e adolescentes de 2 a 19 anos são obesos, definidas pelo índice de massa corpórea aumentado. A maioria dos casos de obesidade está relacionado com aumento da ingestão diária de calorias em relação ao gasto calórico total. Causas secundárias de obesidade como doenças e medicamentos são muito raras.

A perda de peso requer restrição calórica e prática adequada e constante, de exercício físico. As consequências a médio e longo prazo da obesidade incluem ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Febre
 
 
 

Você sabia que febre não é doença?

 
6 de março de 2017
 

 
A temperatura do corpo humano é controlada pelo hipotálamo, uma área do cérebro que age como um termostato ajustado para manter os órgãos internos a 37 ºC (graus Celsius). Quando o organismo é agredido por um agente externo ou por uma doença, o termostato pode ficar desregulado e elevar a temperatura caracterizando assim a febre. Na verdade, a febre não é uma doença; é uma reação do organismo contra alguma anomalia. Nas infecções, a febre ajuda o sistema de defesa a livrar-se do agente agressor.

A partir de qual temperatura é considerado febre?

A temperatura corpórea considerada normal varia ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
birra
 
 
 

Crises de birra

 
6 de março de 2017
 

 
As crises de birra fazem parte do desenvolvimento normal da criança na idade pré-escolar entre 2 e 6 anos de idade. Não são sinais de algum distúrbio, as crises são manifestações de frustração ou raiva que ocorrem ocasionalmente, mas principalmente entre 2 e 3 anos de idade. A criança ainda não tem o controle total das suas emoções nem noção de limites, ela na tentativa de obter o que quer acaba gritando, chorando e se jogando no chão. Normalmente, essas crises diminuem de intensidade e frequência em torno dos 4 ou 5 anos.

Nessa fase, a criança quer fazer as próprias escolhas, muitas vezes, tenta realizar suas vontades e desejos ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
dicção
 
 
 

Entenda a diferença entre gagueira e o desenvolvimento normal da linguagem

 
6 de março de 2017
 

 

Seu filho está gaguejando?

Caso seu filho tenha dificuldade para falar e costuma hesitar ou repetir determinadas sílabas, palavras ou frases, ele pode ter uma disfluência ou uma gagueira. Contudo, ele também pode estar atravessando um período de disfluência normal, período este que muitas crianças enfrentam quando estão aprendendo a falar. Entenda a ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Higiene bucal
 
 
 

Como fazer a higiene bucal em bebês e crianças?

 
6 de março de 2017
 

 
Entre 0 e 6 meses de idade, mesmo antes do nascimento dos dentes decíduos, já devemos realizar a higiene bucal do bebê! Esta higiene deve ser realizada após cada mamada utilizando uma fralda ou gaze embebida em água filtrada. Devemos limpar a superfície da língua e das bochechas e toda a extensão da gengiva. Existe também a possibilidade de realizar esta higiene com o uso de uma dedeira de silicone com cerdas macias.

Após a erupção dos primeiros dentinhos e até os 3 anos de idade, devemos ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
fraldas
 
 
 

Dicas para retirada da fralda

 
6 de março de 2017
 

 
O treinamento para a retirada da fralda normalmente se inicia em torno dos dois anos, mas cada criança é única e algumas começam mais cedo e outras iniciam meses mais tarde. Nunca compare a idade da retirada da fralda entre irmãos ou primos. Para que a criança aprenda a usar o banheiro, é preciso que você a ensine passo a passo. Diga a ela quais são as etapas: avisar que precisa ir ao banheiro, despir-se, limpar-se, dar descarga e lavar as mãos. É muito importante elogiar a criança ao final de cada etapa para reforçar o sucesso. Se você souber esperar o momento certo, o processo será muito mais tranquilo para ambos. É uma conquista da criança, não dos pais! Algumas dicas gerais:
  1. Deixar a ...
  2.  Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Atividades físicas para crianças e adolescentes
 
 
 

Atividades físicas para crianças e adolescentes

 
6 de março de 2017
 

 
A Academia Americana de Pediatria recomenda que crianças e adolescentes pratiquem 60 minutos ou mais de atividade física, diariamente. Recomendações:

1) Atividade aeróbica: As crianças devem praticar atividade aeróbica diariamente por no mínimo 60 minutos, devendo ser de forte intensidade no mínimo, três vezes por semana. Atividades de moderada intensidade como caminhar, andar de skate ou patinete e dançar. Atividades de forte intensidade como correr, pular corda, jogar futebol ou basquete. Nadar e andar de bicicleta são atividades que podem ser consideradas tanto como moderada quanto, de forte intensidade, dependendo da forma praticada.

2) Alongamento e fortalecimento muscular: O ... Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
Aleitamento materno
 
 
 

Aleitamento materno

 
6 de março de 2017
 

 
O leite materno é um alimento completo e a amamentação traz vários benefícios para o bebê, a mãe, a família e a sociedade como um todo. Vantagens da amamentação para o bebê:
  • Alimento completo e pronto a qualquer hora;
  • Proteção contra doenças como diarreia, infecções respiratórias e alergias;
  • Fácil digestão;
  • Bom desenvolvimento da musculatura orofacial e arcada dentária;
  • Melhor desenvolvimento da fala;
  • Diminui a incidência de cáries;
  • Auxilia no desenvolvimento cognitivo e afetivo;
  •  Leia mais
 
 
 
 
 
 
 
pré natal
 
 
 

Consulta pediátrica no pré-natal

 
6 de março de 2017
 

 
Os futuros pais devem procurar o pediatra ainda durante a gestação, de preferência no terceiro trimestre. É muito importante que o casal se sinta à vontade com o pediatra escolhido para tirar todas as dúvidas existentes sobre a amamentação e os primeiros cuidados com o bebê após a alta hospitalar. O pediatra selecionado não obrigatoriamente atenderá o recém-nascido na sala de parto. Muitas maternidades possuem profissionais especializados no atendimento da criança desde o nascimento até a alta hospitalar. No entanto, os pais ficarão mais tranquilos ao levar o bebê para casa já tendo escolhido um pediatra e esclarecido algumas dúvidas.

(Foto destaque: freepik)
 
 
 
 
 
 
 
tabela de orientação para cadeirinhas
 
 
 

Segurança das crianças no trânsito

 
7 de maio de 2020
 

 
Toda criança de até dez anos de idade deve ser transportada no banco traseiro com um mecanismo de proteção específico para cada idade e peso.

Adquira sempre cadeirinhas certificadas pelo INMETRO e antes da compra é importante instalá-la no carro para ver se é apropriada para o cinto e assento do carro e para o peso e idade da criança.

Não reutilize cadeirinhas que já estiveram em um acidente de carro. Veja na tabela qual é o tipo de cadeira de segurança mais adequado ao peso e idade da criança.
 
 
 
 
 
 
 
verão-1
 
 
 

Férias – Dicas para o verão

 
6 de março de 2017
 

 
As férias de verão chegam e, certamente a rotina da criançada muda, seja na alimentação ou no tempo em que passam expostas às atividades ao ar livre. Para evitar alguns contratempos, seguem abaixo algumas dicas de cuidados para o verão.

Exposição solar: a criança deve evitar o sol entre 10h e 16h, e sempre usar protetor apropriado para a pele infantil, mesmo em dias nublados. O fator de proteção deve ser no mínimo 30 e precisa ser passado meia hora antes da exposição solar e repassar a cada duas horas. Chapéus e bonés devem fazer parte do kit de proteção.

Hidratação: ofereça regularmente água, sucos, chás e água de coco. Não espere seu filho pedir água. A diarreia também merece atenção, porque pode desidratar rapidamente a criança. Para evitá-la, lave as mãos depois de usar o banheiro, antes de preparar alimentos e antes das refeições. Frutas, legumes e verduras devem ser lavados e deixados de molho em hipoclorito de sódio. Leia mais